20/07/2008

Loucura

Quando te vi
pela primeira vez
- meus olhos
começaram a existir

: arranquei-os
pra enxergar melhor.

5 comentários:

loba disse...

seus poemas são tão incisivos que dá vontade de pegá-los, torcê-los, mexer com eles de todas as formas! este, tem um fechamento surpreendente e muito interessante. acaba sendo ponto de partida pra outros, né? rs...
beijoooooo

wilka disse...

Às vezes com os olhos nas mãos se enxerga com mais precisão mesmo :)
Seus poemas são uma delícia :)
Bjins

eduardo disse...

Profundo. Blog muito interessante.

Stella disse...

me lembrei do primeiro herói, o Édipo, que cegou-se para se enxergar melhor.

Cláudia disse...

que lindo